O megahair fez com que a vontade de diversas mulheres de ter um cabelão deixasse de ser improvável. Se você era daquelas que ficava sem cortar o cabelo por doze meses e ele aumentava… nem um centímetro, o megahair veio a fim de resolver esta questão. As extensões de cabelo são práticas e ajudam a conquistar um visual diferenciado sem ter que esperar meses. Porém, é bom prestar atenção aos cuidados para que o visual fique mais natural e saudável.

O megahair é um método de alongamento que proporciona cabelos longos, bem cuidados e volumosos, dignos de uma atriz de cinema. É capaz de ser aplicado em cabelos sensíveis, quebradiços, ralos, bem curtos, crespos ou ondulados. Ou seja, não existe limitação por modelo de cabelo. O megahair é uma boa solução para pessoas com problemas de crescimento capilar em razão de serem fracos ou quebradiços. É ótimo, inclusive, para mulheres as quais foram obrigadas a aparar os cabelos por causa de terem estragado os fios com algum tipo de química. O megahair ainda é capaz de ser usado por mulheres que experimentaram uma experiência traumática no aparo do cabelo e querem as madeixas compridas novamente. Ou, unicamente, por quem quer ter os cabelos extensos.

O que é necessário saber antes de colocar megahair

megahair

 

    • A escolha do tipo de cabelo. O cabelo tem necessidade de ser, preferencialmente, humano e de qualidade para não ficar com aspecto de cabelos de boneca.

 

    • A cor do megahair tem necessidade de ser igual à coloração do seu cabelo. Se não for, o profissional necessitará de igualar a cor àquela que você quer. A candidata a ter cabelos de sereia carece de uma ótima dose de calma: a modificação pode demorar de quatro a 45 horas, consoante a porção de cabelo empregada. As mechas do megahair são unidas às do próprio cabelo com cola de silicone própria para megahair ou outro modelo de técnica que iremos ver em seguida.

 

    • Para que se tenha um efeito natural do megahair é vital que a pessoa possua no mínimo 15 cm de cabelos (próprios) na cabeça.

 

    • O megahair tem a necessidade de ser fixado a cerca de dois cm de espaçamento do couro cabeludo e, preferentemente, precisa ser posto por igual, ou seja, em toda a cabeça.

 

O novo look demanda tratamento redobrado. Na ocasião de lavar, secar e pentear os fios do megahair a cabeça não deve ser jogada para baixo, porque os fios podem embaraçar. O pente deve passar muito longe das emendas. O mais confiável é deixar que os cabelos sequem naturalmente ou usar difusor, desembaraçando os fios com os dedos. O secador não está proibido, entretanto é necessário conservar o calor afastado da cola, para o caso de cabelos colados, já que, se ela derreter, as mechas caem. Sauna ou touca térmica também ocasionam os similares prejuízos. Entretanto praia, piscina, penteados com gel ou spray estão permitidos. É aconselhável realizar uma visita de mês em mês ao cabeleireiro, a fim de recolocar as mechas que se separaram.

O megahair não vai fazer o seu cabelo crescer mais ligeiro. Muito pelo contrário, em certos casos caso não seja oferecido o devido cuidado de higienização e feita a manutenção apropriada do método, os seus cabelos são capazes de ficar danificados.
Devido a isso, se você estiver disposta a utilizar um megahair, lembre-se que terá de tratar e pagar por isto.

Duração do megahair

O prazo de duração do megahair é em torno de três meses, após este tempo ele precisará de ser refeito ou removido.
Na hora de retirar as mechas é preciso tanta calma e técnica quanto na aplicação. O processo é capaz de perdurar por até três horas e custa, em média, metade do valor da aplicação. A cola que liga as mechas é derretida com a pistola e retirada com óleo (específico para megahair e de amêndoas). O cabeleireiro tem necessidade de ser muito cuidadoso. Se esse processo for feito de qualquer forma, há o perigo de arrasar os fios verdadeiros. Aí, só a tesoura resolve.

Outras técnicas de megahair

    • Colado: Os fios são colados por meio de uma cola feita de queratina ou silicone. A parte colada jamais pode se submeter a temperaturas demasiadamente altas, como secador de cabelos e prancha (chapinha).

 

    • Polímero de queratina: Similar à cola, conta com substâncias semelhantes e o mesmo peso molecular do fio de cabelo. Mais firme ao calor, umidade e produtos químicos.

 

    • Tic tac: Os fios são ligados por uma presilha especificamente desenhada para esta funcionalidade. O aplique pode ser colocado e removido na ocasião em que desejar.

 

    • Entrelaçado ou Trançado: O aplique é amarrado ao cabelo. É adequado para conceder mais volume aos fios.

 

    • Nó Italiano: É um tipo de costura entre a mechas e o cabelo.

 

    • Tela, telinha ou redinha: O aplique é costurado ao cabelo com uma agulha similar à de crochê. Os fios da própria cabeça são usados para costurar o cabelo. Essa técnica é, de modo geral, mais barata e demora menos tempo para ser feita.

 

    • Microlink: As mechas são aplicadas ao cabelo com o auxílio de um gancho, alicate e micro-conectores metálicos os quais ficam achatados de forma a não criar volume na raiz. Viabiliza o reaproveitamento das mechas, sendo preciso trocar unicamente os micro-conectores.

 

 

Conheça como decidir o melhor megahair para seu cabelo

O desejo de ter cabelos longos e volumosos está tornando os métodos de alongamento de alongamento cada vez mais usuais entre as mulheres. Por essa razão, as técnicas de alongamento capilar estão se tornando mais populares e sendo aperfeiçoadas, permitindo um efeito cada vez mais verdadeiro. Independentemente do megahair ser conhecido por assegurar fios mais longos, as diversas técnicas são capazes de ainda dar mais vida aos cabelos finos, deixando as madeixas mais volumosas e com um movimento singular.

O modelo capilar e o efeito desejado, no entanto, é que irão ditar qual a mais adequada técnica a ser usada para mudar as madeixas, podendo variar entre procedimentos feitos com a renomada cola de queratina ou com extensões temporárias, como com o aplique de tic tac. Vale enfatizar que, para quem quer alongar as madeixas, é necessário que os fios naturais estejam saudáveis para tolerar o procedimento.

Megahair com cola de queratina oferece mais praticidade

O megahair efetuado com cola de queratina é o mais popular no meio das mulheres e promete um efeito mais natural, já que as mechinhas são postas no couro cabeludo em pequenas quantidades. É ideal para qualquer tipo de cabelo, contanto que os fios não encontrem-se danificados em razão de procedimentos químicos, como alisamentos e relaxamentos. Esta técnica de colocação de megahair também é uma das mais simples para os zelos diários, dado que os cabelos são capazes de ser cuidados normalmente, devendo ser evitado passar a chapinha ou o babyliss próximo à cola.

Megahair atado com micro link certifica cabelos compridos sem prejuízos

Já na técnica de micro link, as madeixas do megahair são presas nos fios naturais mediante anéis metálicos. Por não necessitar de qualquer tipo de química na aplicação, o micro link se torna uma das maneiras mais fáceis de pôr e remover, sem ocasionar danos aos fios naturais. Como as mechas capilares são atadas apenas pelos micro links, a técnica não é adequada para cabelos demasiadamente alisados, visto que os fios artificiais são capazes de acabar não fixando nos naturais. Para evitar que o megahair precise de conservação antes do tempo esperado ( em torno de quatro meses) o mais indicado é evitar aplicar produtos que possuam óleos em sua fórmula bem perto ao couro cabeludo, além de escovar as mechas diariamente.

Megahair com tela costurada é adequado para fios curtos

Perfeito para as donas de cabelos mais curtinhos, a técnica liga os fios do megahair aos naturais por intermédio de uma tela a qual é costurada rente ao couro cabeludo. A maior vantagem do alongamento é que ele fica praticamente imperceptível. Ainda por cima, não manifesta problemas com o calor da chapinha ou secador, dado que não é usada cola para atar os novos fios. O processo, no entanto, tem que ser renovado de seis a oito semanas, para que as mechas sejam hidratadas.

Megahair adesivado: para quem também não quer longos permanentes

Ótimo para aquelas que ainda estão com medo de aderir ao alongamento e preferem não comprometer a saúde dos fios, o megahair adesivado é capaz de ser empregado por qualquer mulher. Este megahair diminui os danos para as madeixas naturais, uma vez que as mechas capilares são presas em lâminas adesivas, que são coladas nos cabelos naturais. Além da otimização do tempo – o processo demora só cerca de meia hora para ser terminado – esse megahair não deixa nenhum tipo de saliência no couro cabeludo, deixando a aparência dos fios ainda mais naturais.

Megahair com tic tac para ocasiões específicas

Já aquelas que querem cabelos compridos ou volumosos somente para alguma ocasião especial podem investir no megahair atado por tic tac, que demora só cerca de dez minutos para ser colocado. Este megahair toma pouco tempo da atarefada rotina de beleza das mulheres. Como a dimensão pode ser aplicada em casa, nem sempre o efeito é perfeito, podendo deixar à vista algumas falhas. A fim de que o megahair fique bem camuflado, é fundamental que o tic tac seja inserido rente ao couro cabeludo e satisfatoriamente fixado, para não correr o risco de escorregar no decorrer do dia.

Megahair com tic tac não demanda manutenção

Nem sempre as mulheres desejam um cabelo extenso para o resto da vida. Às vezes, é só uma alteração de visual temporária ou inclusive uma colaboração extra a fim de fazer aquele penteado que unicamente os fios longos permitem. À vista disso, o megahair de tic tac é a maneira mais prática de obter o look. O alongamento produzido com presilhas é barato e pode ser posto em sua residência mesmo, sem carecer de manutenção. É meramente isolar os cabelos em madeixas e prender as extensões no lugar em que você desejaria de avolumar.

Verifique os zelos com o megahair

megahair Seja qual for a técnica eleita, é importante cuidar bem do seu megahair a fim de que ele fique sempre bonito e saudável. A essencial dica é ficar esperto na manutenção e não deixar a validade passar. Isto porque a ausência do remate é capaz de deixar suas mechas ressecadas e quebradiças. Mais um ponto é ter cuidado ao higienizar os fios, escolhendo sempre um shampoo sem sal e passando condicionador só no comprimento e pontas a fim de dar emoliência. Enxágue os cabelos com água fria ou morna e nada de adormecer com os fios molhados, entendido?

Cada técnica possui prós e contras

    • O cabelo do alongamento não pode ter peso maior do que a madeixa natural em que ele se encontra atado. Quanto mais pesado, mais o cabelo natural ficará danificado;

 

    • Os alongamentos necessitam de ser postos no salão e exigem um tempo de preparo;

 

    • Prefira mechas de cabelos humanos. Os artificiais não podem ser pintados nem receber chapinha;

 

    • Todo megahair irremovível carece de manutenção. O tempo difere dependendo do ritmo de engrandecimento de cada cabelo;

 

    • Como os alongamentos afetam os fios, é imprescindível realizar hidratações a cada semana, mesmo que caseiras.

 

Megahair: do pentear a como higienizar, confira 5 erros que você pode estar praticando

O megahair é uma alternativa para as mulheres que são fãs de cabelos longos e não possuem bastante paciência de aguardar os fios crescerem. O mais habitual é produzido com cola de queratina, entretanto quem escolhe pela técnica deve estar consciente de que os zelos capilares são duplicados. Determinados erros podem comprometer o look e ainda mesmo ocasionar a queda de seus fios naturais. Verifique o que você não pode fazer de forma alguma caso tenha megahair nos cabelos!

 

  1. NÃO HIGIENIZAR OS CABELOS COM MEGAHAIR ACERTADAMENTE
  2. O megahair desenvolvido com queratina pode deixar o couro cabeludo mais oleoso que o habitual, de maneira que a oleosidade não é capaz de chegar até aos fios do aplique. Sempre utilize xampú sem sal para eliminar qualquer resíduo, e opte por produtos específicos para cabelos oleosos.
    Massageie o couro cabeludo de maneira delicada com as bordas dos dedos. O ato aciona a circulação sanguínea, que proporciona o desenvolvimento dos fios.
  3. NÃO REALIZAR A CONSERVAÇÃO DENTRO DO PRAZO ADEQUADO
  4. A conservação do megahair com cola de queratina, de modo geral, é realizada de 3 em 3 meses, logo, respeite o espaço de tempo. Caso não faça o retoque quando indicado, os cabelos são capazes de ficar bem mais ressecados (o que é habitual para quem conta com extensões) e quebradiços.
    Sempre busque um bom profissional para fazer a conservação dos fios, a fim de que as extensões permaneçam com a aparência saudável e sem quebras.
  5. NÃO PENTEAR OS FIOS DE FORMA CORRETA
  6. Por conta das junções do megahair, fica mais complicado de pentear os fios. O ato tem necessidade de ser produzido com bastante cuidado e o primeiro passo é separar os cabelos por madeixas para facilitar o processo. Sempre de baixo para cima, penteie mecha a mecha com o intuito de não correr o risco de quebrar por fios devido a tração.
  7. TOMAR BANHO DE PISCINA COM BASTANTE FREQUÊNCIA
  8. Caso você tenha megahair e gosta de uma piscina, possuímos uma péssima notícia: o cloro tem o poder de modificar o tom dos fios, tornando-os mais claros, o que tem grande chance de causar uma grande diferença nas madeixas naturais e megahair. A vida útil do aplique ainda é comprometida em função da substância, então, prefira curtir o verão nas praias.
  9. NÃO PRESTAR ATENÇÃO AO UTILIZAR SECADOR E CHAPINHA
  10. Para um efeito liso e arrasador, é necessário muita precaução na ocasião de usar ferramentas de calor para não comprometer a vida útil do megahair. A fim de não derreter a cola entre os fios, use a chapinha com a distância de três dedos entre o ponto que une os naturais e os falsos. Com o secador, a regra é a mesma para todas: de 10 a 15 centímetros de distância.

 


Deixe uma resposta